Publicado:
Postador Por Rembrandt Carvalho

Chegou o dia! Águas do São Francisco se misturam às do açude de Boqueirão

Foi uma viagem longa, difícil e diariamente acompanhada com aflição e expectativa pelos moradores de Campina Grande e região. Depois de percorrer mais de 400 quilômetros, a partir da barragem de Itaparica (BA), enfrentar problemas técnicos nas obras da transposição e todo tipo de obstáculo em seu caminho ao longo da paisagem seca e sofrida do Nordeste brasileiro, as águas do rio São Francisco finalmente se misturaram ao pouco volume de água que ainda resta no açude Epitácio Pessoa (Boqueirão).
A informação foi confirmada pelo presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa), João Fernandes.
Segundo ele, a fusão das águas, que inicia um novo capítulo na história do açude de Boqueirão e da população dos 19 municípios por ele abastecidos, ocorreu por volta das 20h desta terça-feira (18).
Com a fusão das águas, a expectativa agora é para que o açude, atualmente com 2,9% de sua capacidade total, passe a registar aumento em seu volume.
Nos próximos dias, a Cagepa também deve oficializar mudanças no racionamento em Campina Grande. Conforme já adiantado pelo gerente regional da empresa, Ronaldo Menezes, o tempo de abastecimento deve ser ampliado para as zonas 1 e 2 da cidade, em dias e horários que devem ser confirmados ainda esta semana.                                                                         Paraiba Online

Salão de Beleza

Salão de Beleza

OUÇA A RADIO KEBRAMAR FM